Nov 27, 2006

Tom Waits - Rain Dogs



A dolorosa voz de Tom Waits arrebata nossos ouvidos, explodindo no ritmo indecifrável de seu blues experimental o que outrora era conhecido como tímpano.

O garoto criado na Califórnia foi descoberto pelo empresário Herb Cohen (o mesmo de Frank Zappa), e em 73 já estaria lançando seu primeiro álbum, “Closing Time”. Nota-se neste primeiro trabalho as influências fundamentais do artista. Com arranjos bebendo do jazz e do blues tradicional, músicas que poderiam ser facilmente interpretadas por um Randy Newman ganham certo fôlego inédito na voz de Waits. Valendo-se da boa aceitação de seu primeiro lançamento, uma série de álbuns bons do mesmo filo garantiu um relativo sucesso, impulsionado ainda mais por sua carreira de ator, com a qual obteve êxito em várias produções. Em "O Fundo do Coração" de Coppola, Waits ganhou até uma indicação ao Oscar.

Foi no seu primeiro trabalho na Island Records, o ótimo “Swordfishtrombones”, que as primeiras loucuras que permeariam a música do homem até os dias de hoje consolidaram-se. Letras surrealistas muitas vezes bizarras e experimentações com instrumentos de percussão e de sopro revolucionaram o blues e o folk. O estilo único de Tom Waits vinha ao mundo. Sua voz parece ter se aperfeiçoado ao longo dos anos com a ajuda do whisky e do cigarro, e é aqui que isso fica evidente pela primeira vez. Ela ,agora mais rouca, brada sobre bebedeiras bukowskianas, amores residentes em Illinois e cidades tristes. O lirismo beatnik torna-se também um pilar importante a partir de agora.

No entanto, creio que é no álbum de 85, "Rain Dogs", que Tom Waits atinge o ápice de sua carreira. O álbum é tenso, dançante, emocionante. Músicas melancólicas e eufóricas se alternam nos aproximados 50 minutos de barulho. O surrealismo é exacerbado: personagens e situações estranhas são cuspidos em alto e bom tom, sem perder a beleza das composições. A percussão assume papel importante. Canções como “Tango Till They’re Sore”, “Hang Down Your Head” e “Walking Spanish” costumam figurar nas minhas coletâneas caseiras em cd-r.

Assim sendo, acredito que "Rain Dogs" seja um jeito de voltar a este abandonado blog em grande estilo e, mais do que isso, a melhor maneira de apresentar Tom Waits para quem deseja conhecê-lo em sua melhor forma!

"Rain Dogs"
(released 1985)

01. Singapore
02. Clap Hands
03. Cemetery Polka
04. Jockey Full of Bourbon
05. Tango Till They're Sore
06. Big Black Mariah
07. Diamonds & Gold
08. Hang Down Your Head
09. Time
10. Rain Dogs
11. Midtown [instrumental]
12. 9th e Hennepin
13. Gun Street Girl
14. Union Square
15. Blind Love
16. Walking Spanish
17. Downtown Train
18. Bride of Rain Dog [instrumental]
19. Anywhere I Lay My Head

Clique no link para fazer o download do álbum:
http://www.4shared.com/rar/dvu_pIPt/twrd.html

10 comments:

Gustavo Daher said...

Simplestemente do caralho!

Fred said...

uma merda, vai toma no cu

cal said...

q site de merda, seus perdedores

Leonardo Bomfim said...

opa, andei dando uma olhada no texto sobre o Screaming Lord Sutch, e gostaria de publicá-lo em meu site, Freakium. A temática da edição vai ser toda voltada para o horror. Acho que tem tudo a ver.

Topa?

Qualquer coisa, meu e-mail é freakium@gmail.com

abs

Anonymous said...

o link do rain dogs não tá funcionando. Tirou ele?

Andrei said...

que bando de fdp! ficam xingando o cara! muito obrigado! muito bom o texto também.

Anonymous said...

Além de que conta com a participação do Keith Richards em "Union Square"; "Blind Love", nos vocais inclusive; e "Big Black Mariah" (estraído do livro "VIDA" de K Richards, pgs 577 e 578)

AGUMRAH said...

valeu fio

AGUMRAH said...

não esquentem com os xingamentos não, isso é só furilinha dos zé ruela

Pietra Porpino said...

valeu ^^